Arquivo da Categoria: Entrevistas

Entrevistas a membros das teams e a jogadores

BASS – vencedor BR2

micro

Boas.

Vamos dar início às nossas entrevistas falando com o BASS, o vencedor do BR2.
Espero que gostem desta iniciativa:

 

TravianBRPT:  Gostaria que iniciasse dando alguma informação sobre o(s) jogador(es) nesta conta, tais como, nome, idade e cidade onde moram.
BASS: Tiago Silva, 29 anos, casado, de Mauá – SP.

 

TravianBRPT:  Joga travian há muito tempo? Quantos anos?
BASS: 6 anos

TravianBRPT:  Onde você costuma jogar? Em casa? Lan house? Trabalho? Celular? Quantas horas joga por dia?
BASS: Em casa/ trabalho

TravianBRPT:  O que você achou da pressão de ser TOP e aguentar uma WW até ao fim? Fala um pouco dessa pressão.
BASS: Tranquilo, dessa vez foi tranquilo.

TravianBRPT:  Qual o principal motivo para você jogar? Joga para vencer, para se divertir ou por amizade aos amigos que fez neste jogo?
BASS: Pelos três motivos, de certa forma. Jogo pra vencer, isso me diverte e de quebra, faço amigos.

TravianBRPT:  Jogaste a qualificatória para o Mundial? Irás tentar vencer lá também?
BASS: Não. Não tenho o mínimo interesse.

TravianBRPT:  Qual o maior problema que o Travian te trouxe na vida real? Conta aí uma situação caricata.
BASS: Chegar atrasado ao trabalho, esperando algum ataque bater, parar o carro na rua pra acessar pelo celular em caso de ataques, etc.

TravianBRPT:  Normalmente costuma jogar com ouro ou sem ouro?
BASS: Com ouro.

TravianBRPT:  O que você acha sobre os multihunter? Sem entrar em exageros, dê a sua sincera opinião.
BASS: Geralmente são despreparados, tratam os jogadores como lixos, sem o mínimo respeito. Há exceções, claro.

TravianBRPT:  O que mudaria no jogo? Acha que lhe falta algo?
BASS: Tudo o que o jogador ganhar ao longo de sua trajetória no travian, deveria ficar atrelado ao e-mail, isso impulsionaria a querer jogar sempre. Isso é básico, não sei porque a TG ainda não investiu nisso. O que se vê nos grupos de travian é disputas de quem é melhor nisso ou naquilo, uns dizem ser recordistas disso, outros daquilo, mas não tem nada que comprove. Do mesmo modo as alianças, os nomes deveriam ficar atrelados a um e-mail, sei lá.

TravianBRPT:  O que mais gostas no Travian? E o que menos gosta? 
BASS: No fim das contas, o mais bacana são as amizades que ficam. O que menos gosto AINDA é a relação jogador x MH/ Admin em geral.

TravianBRPT:  Deixe uma mensagem para os jogadores novatos que estão iniciando a vida no Travian.
BASS: Nada a declarar pra eles.

TravianBRPT:  Tua aliança tinha jogador brasileiros portugas e brasileiros? Achas que os dois povos podem jogar juntos sem qualquer problema? Ou achas que pela diferença de mentalidade aparecem sempre alguma guerra interna?
BASS: Sempre tem portugas sim, nessa atual que eu me lembre tinha um. Mas não acho legal juntar tudo não, daria muito problema.

TravianBRPT:  Quando você não joga está jogando Travian, está fazendo o quê?
BASS: Trabalhando.

TravianBRPT:  Quer aproveitar para deixar algum recado para alguém? (com respeito)
BASS: Recado vai pra ti mesmo (JL). Na verdade é uma dica! É possível ser honesto sem ser arrogante, ok!!! Reveja aí o que tá acontecendo, pois o Travian BR está em decadência total, a cada ano menos jogadores se registram. Prova maior é o BR3 que veio cheio de novidade e tá fraquíssimo.
Estamos convocando jogadores das antigas para o próximo BR6, jogadores que haviam parado até, vamos tentar juntar jogadores do br2, parte do BR1 e do BR6, pra ver se montamos um Server bacana.

Aproveitar a deixa, e dar outra dica. Fecha o BR7, pois de certo será outro fiasco. Dica de quem joga e sabe o que tá falando.

BASS

 

Espero que tenham gostado.
TravianBRPT

Mada Silva curti este post
Publicado em Entrevistas | 1 Comentário

JL – TravianBR/PT

Administrador Brasil / Portugal

De que terra és?
Sou um homem do Nuorte, vivo no Porto e clubites à parte sou do FêCêPê 😛

Qual a área do teu trabalho real?
Em trabalho na área de informática, ti manager.

Como descobriste o Travian?
Bem, resumindo eu era lider de um multi-cla SOF2, Trackmania e um dos jogadores perguntou-se se não queria abrir uma secção de Travian. Fui jogar e não gostei do jogo, pois nunca gostei deste tipo de jogos. Deixei a conta a esse meu jogador e passado 15 dias voltei a entrar. E aí….. o vício pegou e de que maneira. Estavamos em Agosto/Setembro de 2006. Depois fui anti-admin, moderador, multihunter, co-admin e admin, lugar que ainda ocupo hoje.

Porque quiseste ser administrador?
Gosto de desafios e confesso que este foi o desafio que me deu mais medo, mas cá estou. O Administrador foi uma progresso natural, como já expliquei.  Gosto de ajudar, gosto de convívio entre todos, e gosto de me dedicar a bons projectos.

E que fazes nos teus tempos extra-travian?
Trabalho no meu emprego real, e como tenho o travian sempre ligado quase não tenho tempo extra-travian durante o dia. Quando não estou a trabalhar estou a brincar com a coisa mais preciosa que tenho na vida, a minha filha de 2 anos. Neste momento é o meu part-time em full-time.

Diz-nos algo que sempre gostas de dizer ?
A team não trabalha 24 horas por dia, por isso sejam pacientes. Quando enviam IGM para o suporte ou MH ou admin ou plus e vos dá como mensagem lida isso é apenas devido ao sistema enviar uma resposta automática, por isso não tornem a enviar nada, pois muitas vezes estou a resolver a mesma coisa mais que duas vezes… e time is money.

Goza a vida enquanto a vida não te goza a ti. Protege-te!

 

 

Publicado em Entrevistas | Tags | 25 Comentários